FIQUE LIGADO

BLOG

Como fotografar crianças: dicas para você clicar o dia a dia do seu filho

Calesita Brinquedos / 23 de dezembro de 2020

Fotografar crianças é um desafio. Os pequenos são imprevisíveis, se movimentam de um lado para o outro, muitas vezes fica difícil de acompanhar. Isso tudo é verdade! Mas, quem resiste a registrar esses momentos, ter aquele álbum digital ou impresso com imagens que eternizam a evolução dos filhotes? Existem profissionais especializados nesse tipo fotografia. Mas você também pode se arriscar nessa tarefa. A fotógrafa mineira Carol Gomes, especializada em fotos de família, dá dicas para te ajudar. Anota aí!

O que fotografar?

Um sorriso, um abraço, as brincadeiras, uma gracinha, a família reunida em volta da mesa, amontoada no sofá, jogando aquele jogo favorito… são coisas simples que deixam saudade! Registre para lembrar do que realmente importa! O momento de estar ao lado daqueles que ama, do jeito que são, fazendo o que gostam, sem poses e sorrisos prontos!

Onde fotografar?

Eu sempre recomendo fotografar em casa! Sua casa é o lar da sua família, é onde a vida acontece, onde vocês passam o tempo juntos! Pequena, bagunçada, não importa… seja como for, seus filhos vão querer lembrar de como era a casa em que viviam na infância! Mas você também pode ir a qualquer lugar que seja importante para vocês, que faça parte da rotina da família. Pode ser o clube, a pracinha, a casa dos avós, o almoço no restaurante preferido, uma ida à sorveteria… Divirtam-se!

Dicas técnicas para fotografar

– Mantenha a lente limpa

Quantas veze por dia você pega no seu celular? Esse uso constante pode deixar suja a lente da câmera. Além de borrar as fotos, isso pode interferir nos sensores e prejudicar o foco. Assim, antes de fotografar, esfregue a câmera na roupa ou passe um paninho limpa-lentes.

Cuide da iluminação

Escolha um local bem iluminado. Você pode até usar flash, mas vai perder a naturalidade da imagem e criar sombras desnecessárias. Um cuidado importante é evitar a contraluz. Se a criança estiver com muita luminosidade atrás dela, sua imagem ficará escura, como se fosse apenas uma sombra.

Não use zoom

Evite fotografar com zoom. Quando você usa esse recurso, você tem a ilusão de que vai aproximar a criança mas, na verdade, está apenas tirando um pedaço da imagem, como se tivesse recortando a realidade.  

Acerte o foco

Quase todos os celulares têm hoje aplicativos que ajustam a exposição. É aquele ponto da tela que você toca para ser o foco principal da foto. Use isso a seu favor.  Quando você seleciona um ponto, a câmera se ajusta para focar corretamente esse ponto. 

Use as duas mãos 

Essa regrinha é básica, mas pouca gente segue. Se você não segurar o celular com as duas mãos, sua foto tem mais chance de sair tremida.  

Escolha o horário

Os flagrantes acontecem a todo momento. Ainda mais no dia a dia agitado dos pequenos, né? Mas você sabia que o final da tarde e de manhã cedinho são os momentos ideais para fotografar ao ar livre? Isso porque há um equilíbrio entre áreas claras e escuras na paisagem. Ao meio-dia, com o sol a pino, a claridade excessiva ilumina tudo por igual, o que faz com que se perca os contrastes

Explore sua câmera

Se o seu celular tem o modo “avançado”, vale à pena dar uma explorada nos recursos dele. São coisas mais técnicas, é verdade, que exigem a princípio algum conhecimento como ISO, exposição, balanço de brancos etc. Mas aprender algo novo, testando a prática, não faz mal a ninguém. 

Edite suas fotos

Os programas de edição estão cada vez mais sofisticados e mais simples de operar. Trabalhar tons de cores, brilho, corte, são opções que podem deixar a foto do seu filho mais bonita. Sem falar nos emojis que você pode acrescentar para torná-las mais divertidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *